A Rocha Gana

A Rocha Gana opera em todo o país, a partir de quatro bases de campo, para ajudar as comunidades a protegerem alguns dos habitats mais ricos em termos de biodiversidade e mais ameaçados: comunidades de pesca costeira que dependem de mangues saudáveis; aldeias em redor da floresta tropical de Atiwa; agricultores e pescadores no Lago Bosomtwe e as populações das áridas savanas ao redor do Parque Nacional de Mole.

O Lago Bosomtwe é um dos seis maiores lagos do mundo com origem numa cratera de meteorito e forma um ecossistema florestal e pantanal importante a nível mundial devido à sua flora e fauna. A agricultura e a pesca são os principais meios de subsistência das 24 comunidades indígenas que vivem em torno da sua margem e, por esse motivo, o lago e a sua bacia hidrográfica são relevantes do ponto de vista económico para a existência destas populações. Desde 2005, A Rocha Gana tem trabalhado com comunidades rurais que dependem da exploração insustentável de recursos naturais. Ao introduzir treinamento e apoio sobre meios de subsistência alternativos (tais como a criação de ratazanas-do-capim Thryonomys sp., a apicultura, a helicicultura e a fungicultura), estão não somente ajudando estas comunidades a administrarem as suas terras em benefício da vida selvagem como também os auxiliando a atenderem suas necessidades de longo termo.

Visite o site de A Rocha Gana (em inglês)

Por que nos preocuparmos com microplásticos? 1 jun 2017
Um novo livro em francês: Évangile et changement climatique 1 jun 2017
Latest News
A Rocha Canadá levanta um celeiro 1 jun 2017
O acordo sobre o clima – de Paris a Pittsburgh 1 jun 2017